7 de setembro de 2006

Meu querido diário...


Meu querido diário, hoje tive um dia mau.
Parti a última estrela da manhã, foi sem querer, espero que Deus não esteja zangado, em Dezembro peço uma nova ao Pai Natal. A caminho da escola pisei uma formiga, ela morreu e amanhã tenho de comparecer no Tribunal Animal, fui acusado de formicídio involuntário. O advogado Leão disse que talvez consiga uma pena levezinha.
Como já estava com pressa para ir para a escola esqueci-me de abrir as portas do mar ao senhor vento, conclusão, hoje os barcos não puderam navegar...
No recreio enquanto estava a jogar à bola dei um pontapé tão grande que a bola bateu num satélite, o País inteiro ficou sem telecomunicações, o pior é que fiquei de mandar uma mensagem aos pássaros para eles não se esquecerem de migrarem para sul.
Como estava tão triste com todas estas situações decidi ir deitar o Sol mais cedo, assim a noite chegou mais depressa e espero agora por um novo dia...
Até breve...

3 comentários:

Anónimo disse...

Excelente como sempre....
Desejo-te muito boa sorte para este ano e para todas as tranformaçoes que ele vai trazer..
Continua a escrever para nos sentirmos sempre proximos de ti e entrar neste teu mundo por vezes tao imaginario que nao nos apetece sair de la.
Beijo grande, Martinha.

Joaquim disse...

boa Luis, o meu dia foi parecido!!!
Ele há diasssssss

Um abraço

Mónica disse...

qdo te deitares não mates nenhum dos milhões de ácaros que dormem contigo!

Trans - Siberiano