20 de junho de 2008

Triste...

Enfim.
No fim dos 90 minutos ganhou a equipa mais fiável e consistente.
Infelizmente Portugal perdeu, mas estou orgulhoso da forma como jogamos, nunca desistindo e lutando até ao fim. Jogamos bem mas faltou a eficácia nos momentos decisivos...

Vi o jogo com mais uns amigos Alemães numa esplanada e tudo correu bem até Portugal marcar o primeiro golo. Como é óbvio, tive de me levantar e festejar... No lado oposto da esplanada um tipo vestido com a camisola Alemã levantou-se e disse algo que não percebi... No momento do segundo golo Português a minha reacção foi exactamente a mesma. Desta vez, o mesmo indivíduo levantou-se e juntamente com mais dois amigos proferiram comentários muito pouco dignos sobre Portugal que desta vez pude compreender.

Durante os últimos 4 min em que Portugal pressionou a Alemanha os insultos continuaram, chegando ao cúmulo de no fim do jogo, enquanto felicitava os meus amigos Alemães, ouvir em pano de fundo... "Porcos Portugueses para a rua...."

Pela primeira vez, desde 13 de Setembro de 2006, senti-me mal neste País. O grupo restricto de Alemães que fizeram esta triste figura não é de todo representativo da população em geral. A larga maioria dos Alemães festejou como deve ser e alguns até me cumprimentaram pelo bom jogo quando souberam que eu era Português.

No entanto, aquelas 3 pessoas fizeram-me recordar que por mais tempo que passe na Alemanha eu nunca me identificarei a fundo com este País...

Abraços

5 comentários:

eng. a sério disse...

esses e gajos que descreveste fizeram-me lembrar que o nazismo ainda está mto presente.... Se ontem tivéssemos ganho, de certeza que hoje tu estavas num campo de concentração algures na Baviera....

Anónimo disse...

Compreendo como te sentiste. Mas Luís, cuidado, esse género não é exclusivo da alemanha.
Um grande abraço
Joaquim

cesaralvim disse...

Pois bem luís esse povo é assim e essa atitude resulta de uma falta de confiança que os portugueses lhes conseguirem fazer sentir, pois mesmo a ganharem 0-2 estavam cheios de medo e não contando para nada os tugas deram um banho de bola...

Abraços

miranda disse...

Bem, ora aí está por que é que eu nunca tive vontade de conhecer a alemanha... por que me repele assim como a inglaterra (claro está que algumas pessoas não são o todo, mas todas as que conheci me suscitaram essa ideia)... Assim o mundo nunca mais se "ajeita"...enfim...

Filipe Coelho disse...

Esses comentários não representam a população em geral como referiste, mas reflecte aquela vaga de fundo felizmente residual do nazismo que ainda persiste.

Trans - Siberiano