17 de março de 2008

Luís no dia aberto...




Poucas vezes me questiono.
Afinal porque continuas a fazer isto? Porque vens tu (em pleno sábado à tarde) até ao instituto fazer um vídeo para ser apresentado a 2000km de distância e cujos os resultados serão altamente duvidosos e improváveis? Porque não te importas tu de cair no ridículo por entre erros momentâneos e observações menos conseguidas? Porque te expões de forma clara defendendo uma licenciatura que já conheceu melhores dias?

Poucas vezes me questiono porque poucas vezes tenho dúvidas sobre o nosso papel na sociedade, e em especial, sobre o meu papel... De facto, que inútil seria da nossa vida se nos limitássemos à pequenez da observação. Que seria de nós se não tomássemos as rédeas do que julgamos justo, cavalgando a nossa nossa ideologia com mãos de coerência e esporas de vontade... E assim o fiz...

Sempre que for requisitado, como desta vez o fui, darei a minha contribuição... E no fundo, todos sabemos das lutas inglórias que se travam por todo o lado, não sendo isso argumento para não as suportarmos... Como diria JFK " We know we will not end this task, but at least, let us begin..."

PS: Cumprimentos ao Paulinho, sem a sua tenaz preserverança este vídeo nunca seria publicado fora do contexto do dia aberto...

2 comentários:

PMGuerra disse...

Enquanto não partilhasses essa pérola, não desistia!
Canecas??? BRILHANTE!!!

ti...* disse...

hehehehehhe!!! acho que nunca teria pensado em descrever o nosso curso com alfinetes e canecas!!! Adorei! simples e concreto! e a saída final do alfinete transparente esta genial!

Abraço

Tiago R.

Trans - Siberiano